terça-feira, 4 de novembro de 2008

Heliponto ou Heliporto?

Quem leu o Estado de São Paulo deste domingo, 02 de novembro, viu falarem de “helipontos irregulares”. Mas o que seria um “heliponto”? Existe essa palavra? Não seria “heliporto”? Sim, existe, a diferença entre heliponto e heliporto é simples:

 

[De heli(cóptero) + ponto.]

S. m.  Aer.

1. Porção de solo ou água, ou estrutura artificial, us. para pousos e decolagens de helicópteros.

 

(ô). [De heli(cóptero) + porto.]

S. m. Aer.

1. Heliponto (q. v.) público, dotado de instalações para pouso e decolagem de helicópteros, embarque e desembarque de passageiros e/ou de carga.  

 

As pessoas sempre me corrigem quando digo "heliponto", mas a maioria das áreas para pouso de helicópteros que vemos, em shoppings, prédios, hotéis, etc, são helipontos. Os heliportos exigem uma área bem maior.

As definições acima são do Aurélio (talvez o único dicionário que contém isso), mas quem me explicou pela primeira vez foi uma amiga tradutora. Eu havia feito a revisão do texto dela, e acabamos discutindo esse detalhe. Quem a ensinou foi um piloto amigo. Contudo, esse é um tipo de confusão que, mesmo você estando certo, todo mundo vai querer corrigir e dizer que é “heliporto”.

7 comentários:

marcia disse...

Um dia eu muito simples fiz um comentário naõ lembro qual agora, dizendo a palavra heliponto aí minha amiga me deixou constrangida dizendo que era Heliporto e eu fiquei confusa e depois eu falei que tinha quase certeza que tinha visto em algum lugar e foi no shopping que vi,, então agora fico mais tranquila que eu estava correta,enquanto eu não descubro a verdade eu não fico sossegada. obrigada pelo espaço..

Anônimo disse...

Dicionários particulares não são quem define se uma palavra existe ou não. Por lei, no Brasil, o vocabulário oficial é "Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa", editado pela Academia Brasileira de Letras.
No Português Oficial, só existe a palavra "heliporto". "Heliponto" pode ser um jargão técnico, utilizado por especialistas, mas que só tem sentido dentro de sua área de competência.
Um jornalista ou "pessoa comum" deve usar "heliporto", ou se usar "heliponto" quando aplicável, este deve ser acompanhado de uma explicação, como faz quando utiliza jargões técnicos de qualquer área para o público leigo.
Compare com o uso de outros termos técnicos levados a fóruns gerais, mesmo termos relativamente conhecidos como "crime doloso/culposo", "deflação, superávit primário",por exemplo, se utilizados, sempre são explicados imediatamente.

Anônimo disse...

Quanto ao comentário anterior: vivendo e aprendendo. sim o V.O.L.P é o parâmetro para tais questões,e o jargão técnico deve ser explicado. Na mídia, entretanto, o uso corrente de palavras, principalmente em inglês, é utilizado sem critério e sem explicação; naturalizam expressões que estão na moda. É falta de critério!

Anônimo disse...

Quanto ao comentário anterior: vivendo e aprendendo. sim o V.O.L.P é o parâmetro para tais questões,e o jargão técnico deve ser explicado. Na mídia, entretanto, o uso corrente de palavras, principalmente em inglês, é utilizado sem critério e sem explicação; naturalizam expressões que estão na moda. É falta de critério!

Ronald disse...

Obrigado pelo esclarecimento, pois realmente não sabia a diferença e sempre soube e sempre falava heliponto e não sabia da diferença. Muito grato.

Anônimo disse...

Traduzindo:

O heliponto é quando você está em cima de um prédio e dá sinal para o helicóptero parar, já o heliporto é como se fosse o terminal, ele para mesmo se ninguém der sinal.

Jozi disse...

Caros, boa tarde.
Seguq os termos técnicos corretos:
HELIPONTO
Área utilizada para pousos e decolagens de helicópteros.

HELIPONTO ELEVADO
Heliponto construído sobre edificações.

HELIPONTO PRIVADO
Heliponto que só poderá ser utilizado com permissão de seu proprietário.

HELIPONTO PÚBLICO
Heliponto destinado ao tráfego de helicópteros em geral.

HELIPORTO
Heliponto público dotado de instalações e facilidades para apoio às operações de helicópteros e de embarque e desembarque de passageiros.